Pré Natal no SUS

Source: fbcdn-sphotos-a.akamaihd.net via Linda on Pinterest

Eu acho 9 meses muito pouco tempo para encontrar um médico que eu goste e que esteja alinhado ao que eu imagino de um pré natal legal. E ainda faça parto normal. E que atenda pelo meu plano de saúde.

Na minha vida, tenho somente uma médica que me acompanha há bastante tempo, que é a minha ginecologista (e de minhas irmãs, e muitas amigas também). Ela não é obstetra, mas já me garantiu que tem bons obstetras para me indicar, quando chegar a hora.

Não quero ser daquelas agoniadas que começam a ir a obstetras sem estar grávidas (a gineco sugeriu que eu fizesse isso, para encontrar o que eu melhor me adapte). Mas achei meio freak: a pessoa nem grávida está e já começa a consultar com um obstetra.

Ao mesmo tempo, acho 9 meses muito pouco tempo, dada a dificuldade que temos de entrar na agenda dos médicos – principalmente os de plano de saúde. Então imagina que eu poderia levar meses até encontrar um obstetra legal. Só que meses, em uma gravidez, é coisa pra caramba!

Por isso, ainda é meio cedo pra falar, mas tenho pensado em fazer dois pré natais paralelos. Um com um médico indicado pelas pessoas de confiança, e que atenda pelo plano de saúde; e outro pelo SUS.

Aqui perto da minha casa, tem um posto de saúde onde a marcação de consultas é às segundas-feiras, para a própria semana. Muito ágil! Exemplo pra muita clínica particular por aí… Não sei como funciona para consultas de pré natal, mas imagino que seja algo do gênero.

Esses dias deparei com o blog Pré Natal no SUS, e apesar de ficar abismada com a impessoalidade do médico, falta de informações práticas e outras falhas, achei uma coisa muito interessante dentro dos relatos lidos: A Unidade Básica de Saúde (UBS) realiza mini palestras multi-temáticas para as gestantes, e elas normalmente consultam no mesmo dia. Uma oportunidade que quem faz pré natal particular não tem: encontro periódico com outras grávidas, palestras sobre temas de interesse, troca de informações e experiências.

Dá pra perceber uma flagrante  falta de reparo na UBS onde esta blogueira faz o seu pré natal (Infelizmente não sei seu nome). Mas eu tenho a impressão de que este de cenário vai depender muito da equipe que compõe a UBS, e que talvez esta no meu bairro tenha uma equipe mais empenhada na questão humanística do acompanhamento a gestantes. Porque o modelo do SUS é interessante: alia encontros periódicos com outras grávidas, palestras com especialistas e visitas das equipes do Programa Saúde da Família. Dá a muitas mulheres  informações a que elas não teriam acesso caso não houvesse estas iniciativas no SUS. Informações sobre gestação, mas também de saúde, higiene, hábitos saudáveis… Parece um bom modelo de pré natal.

Como disse, é cedo para tomar esta decisão. E quando for a hora, me informarei melhor sobre estes processos.

Anúncios

Um pensamento sobre “Pré Natal no SUS

  1. Guria, vou te dizer que eu dei uma meio de louca, mudei de cidade, nao conhecia nenhuma médica, nao tinha indicaçao do plano, marquei umas tres pelo livrinho do convenio e fui e dizia (em tom de brincadeira claro) “vim aqui só para dar uma olhada para tua cara” hehehe brincando claro, depois dizia que estava escolhendo uma GO e tal, todas levaram numa boa, fiquei em duvida entre 2 e optei pela q tinha o consultorio na rua do hosp q eu queria hehe, achei q em caso de horario do rush ela chegaria mais rapido hehehe

    bjoca!!! já tem news? e as dores no peito era bom sinal? 🙂

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s